Maior porto privado do país, Porto Central terá como sócios o Porto de Roterdã e o governo do Espírito Santo

Publication date: 2014-05-06 14:25

O porto de Roterdã assinou nesta terça, dia 29, uma joint venture com a Terminal Presidente Kennedy (TPK), uma empresa fundado por um grupo de emprésarios capixabas, para criar o maior porto privado do país, o “Porto Central”.

O Espírito Santo vai sediar o maior porto privado do país e um dos maiores da América Latina. É o Porto Central, um superporto de águas profundas no conceito de porto indústria que será construído em Presidente Kennedy, no Litoral Sul do Estado.

O empreendimento ocupará área de 20 milhões de metros quadrados e demandará investimento da ordem de R$ 5 bilhões. O Porto Central terá como sócios o Porto de Roterdã, que será o gestor e operador do projeto, o governo do Espírito Santo, por meio de um de seus fundos e um grupo de investidores (Polimix), Fiab Participações e Nova K.

Via http://gazetaonline.globo.com/

Confira a matéria na íntegra aqui: http://glo.bo/1fMETH1

última modificação 2014-05-06 14:25